Por Manuela Viana (Adepará)
03/09/2021 - 15:00

 

Capacitação de servidores, plano de cargos, carreira e salários e melhorias na infraestrutura estiveram na pauta da reunião da Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará), na tarde desta quarta-feira (1º), no sudoeste paraense, na regional de Altamira.

“Nessa reunião para alinhamento com os servidores da regional aqui de Altamira, tratamos de assuntos relacionados à execução financeira e técnica. Avaliamos o desenvolvimento do plano de reestruturação da Agência e os novos direcionamentos que serão adotados para os próximos meses”, destacou, na oportunidade, o diretor geral, Jamir Macedo.

Prazos para finalização da aquisição de equipamentos de informática, mudança para um novo prédio e para entrega de novos veículos também estiveram entre os assuntos da reunião. A ocasião também foi momento para sugestões de melhorias para o trabalho dos servidores da autarquia.

Definições - A Adepará é uma autarquia que tem como missão planejar e executar ações que promovam a sanidade e a qualidade da produção agropecuária, contribuindo para o desenvolvimento sustentável e competitivo do agronegócio no Pará.

 

 

Assim, a melhor estruturação da Agência reflete diretamente na sociedade, já que a Adepará possui dois compromissos nas áreas meio e finalística. Na área meio e finalística é a agricultura, pecuária e pesca. Basicamente, a defesa agropecuária é fazer com que não haja nenhum prejuízo na produção agrícola e pecuária, evitando a introdução de pragas e doenças.

Na área de sua atuação, a Agência de Defesa que tem a missão de valorizar o agronegócio paraense e esses dois compromissos estão sendo efetivados de acordo com o atual Plano Plurianual 2022-23 (PPA), pois a autarquia está conseguindo vencer as etapas estabelecidas dentro dos compromissos que ela se propôs no plano e com um ponto positivo, com o reconhecimento da cobertura territorial nas 12 regiões de integração do Estado.

O aporte tecnológico das unidades locais para o melhor desenvolvimento das ações de campo; atualização da frota de veículos; ampliação do serviço de manutenção predial de unidades locais do campo, cursos e treinamentos para qualificar a equipe técnica de servidores também estiveram na pauta da reunião.

 

 

O diretor de Defesa e Inspeção Animal, Jefferson Oliveira, também presente na reunião, destacou a importância do trabalho dos servidores para o desenvolvimento do agronegócio do Estado. “Apesar de sermos um órgão fiscalizador, nossa proposta não é apenas autuar, mas sim dar condições técnicas e estruturais para nossos servidores e produtores paraenses. Estamos avançando com essa meta e este é um momento no qual podemos trocar conhecimentos, ajustar processos e seguir com a proposta de fortalecer cada vez mais a Agência de Defesa do Pará, o que consequentemente reflete na qualidade do agronegócio paraense", pontuou.

Veja Também