Sobre acessibilidade

Áreas

04/12/2017 - 10:15

Belém vai sediar o V Encontro Nacional de Defesa Sanitária Animal (Endesa), no período de 4 a 8 de dezembro, no Hangar - Convenções e Feiras da Amazônia. O Endesa terá como tema o “Serviço Veterinário Brasileiro: Em busca da Sustentabilidade” e vai reunir cerca de mil profissionais, nacionais e internacionais, que atuam na área da defesa sanitária, além do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Borges Maggi, e do governador do estado, Simão Jatene.

Promovido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em parceria com o Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará), o encontro objetiva aprimorar ações de Defesa Sanitária Animal, por meio do intercâmbio entre o Serviço Veterinário Oficial, setor privado e meio acadêmico e científico.

Durante a cerimônia de abertura, o ministro Blairo Maggi assinará as Instruções Normativas sobre sanidade animal, prevenção, controle e erradicação do mormo e uso de vacinas vivas atenuadas contra salmonela paratífica em aves matrizes, e em conjunto com o governador Simão Jatene, o ministro vai assinar a Instrução Normativa que reconhece as Zonas de Proteção do Pará como livres de Febre Aftosa com vacinação e realizar a entrega de veículos novos para as equipes da Adepará que atuam nos municípios paraenses.

Nesta quinta edição do evento, busca-se dar visibilidade ao trabalho do Serviço Veterinário Oficial, harmonizar procedimentos técnicos dos diversos programas de saúde animal desenvolvidos no Brasil e ampliar o conhecimento dos profissionais que atuam na área. Este ano, o Endesa vai contar com duas visitas técnicas a sistemas de produção de animais no Pará e a elaboração de uma moção com recomendações para assegurar a sustentabilidade do serviço veterinário brasileiro que é constituído por entes públicos e privados.

São aguardados palestrantes nacionais e internacionais que abordarão temas como o papel dos serviços veterinários na produção e comércio seguro de alimentos e no bem-estar animal; desempenho, avaliação e financiamento do serviço veterinário nacional; aplicação de ferramentas da epidemiologia e economia no serviço oficial, além de temáticas relacionadas às ações em epidemiologia, trânsito, quarentena e saúde de suínos, abelhas, animais aquáticos, animais selvagens, equinos e aves.

Programação

http://www.agricultura.gov.br/assuntos/sanidade-animal-e-vegetal/saude-a...