Sobre acessibilidade

Áreas

Cooperativas ampliam a certificação de produtos artesanais

Uma parceria entre a Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) e a Organização das Cooperativas do Brasil – Seção Pará (OCB-PA) irá ampliar a certificação dos produtos agropecuários artesanais de diversas cooperativas no Estado. O primeiro contato entre as instituições ocorreu ainda no final do passado, quando o diretor geral da Adepará, Luciano Guedes, recebeu o superintendente da OCB-Pa, Júnior Serra, na sede da Agência.

Ações de educação sanitária chegam à zona rural do Marajó

Cerca de 60 pequenos agricultores e cria­dores de animais da comunidade Araramã, localizada no interior de Afuá, no Marajó, assistiram a uma palestra ministrada pela fiscal estadual agropecuária da Adepará no município, Adriele Cardoso, que buscou tirar dúvidas dos participantes sobre a utilização correta dos defensivos agrícolas para o controle e combate a pragas que possam afetar as lavouras.

Monitoramento da Adepará garante estado livre da mosca da carambola

Laranja, manga, sapoti e tangerina. As frutas são essenciais para uma alimentação saudável e equilibrada. Mais do que isso, a produção e o comércio delas são de grande importância para a economia brasileira e dos estados produtores. De excelente qualidade, produzidas com baixíssimo teor de defensivos agrícola, já que as áreas de plantio apresentam baixa incidência de praga, nossas frutas têm mercado comprador nacional e internacional garantido.

Empresas registradas na Adepará ganham destaque em feira

Produtores artesanais certificados pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) participaram, na manhã desta sexta-feira (27), da feira da agricultura familiar, realizada pelo programa Pará Rural, do Governo do Estado, e que ocorreu na sede da Secretaria de Planejamento (Seplan), na Doca de Souza Franco.

Pará terá primeiro laboratório da qualidade do leite da região norte

O estado do Pará ganhará o primeiro Laboratório da Qualidade de Leite da Região Norte. O empreendimento, que está em fase de finalização e deve entrar em operação no mês de março deste ano, é financiado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), e integra o Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá).