Sobre acessibilidade

Áreas

Órgãos planejam ações para coibir roubo de gado nos estados do Pará e Amapá

Image: 

O roubo de gado é um crime que ainda preocupa pecuaristas e autoridades dos estados do Pará e Amapá. Dados da Associação de Criadores do Amapá (Acriap) mostram que o prejuízo com o roubo e furto de gado na região chega a R$ 50 milhões contabilizados em 2015 e 2016. Diante disso, as Agências de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) e de Defesa e Inspeção Agropecuária do Amapá (Diagro) se uniram para elaborar estratégias, junto aos pecuaristas e órgãos públicos, de combate a esse crime.

Pará fecha 2017 com alta cobertura vacinal contra a febre aftosa

Image: 

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado (Adepará) concluiu o relatório com o resultado da última campanha de vacinação contra febre aftosa, realizada em novembro de 2017 em todo o Estado. O Pará se manteve entre os estados brasileiros que tem maior cobertura vacinal, com a imunização de 7.907.328 bovinos e bubalinos, o que representa 98,07% do rebanho. Para permanecer como área livre de febre aftosa com vacinação, segundo meta exigida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), o estados precisam ter um índice de no mínimo 90% de vacinação.

Ações de defesa sanitária geram avanços no setor agropecuário

Image: 

O ano de 2017 foi de crescimento para o setor agropecuário paraense. A Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) garantiu, por meio de ações de defesa sanitária, importantes títulos de áreas livres tanto no campo vegetal como no animal. Esse trabalho de defesa sanitária busca oferecer aos mercados regularidade e qualidade na produção, nas áreas da agricultura e pecuária. Esses dois segmentos influenciam diretamente na balança comercial, gerando emprego e renda.

Decreto do Governo do Estado cria dois polos citrícolas no Pará

Image: 

O cultivo de cítricos está em ascensão no Pará. Com uma incrível capacidade de produção e clima favorável, o Pará foi o primeiro estado brasileiro a receber o título de Área Livre de Cancro Cítrico e agora conta com dois Polos Citrícolas, no nordeste e oeste paraense. Por meio do decreto nº.1943, publicado nesta sexta-feira, 22, o Governo do estado criou os polos e dispôs sobre a produção, introdução e o comércio de frutos, mudas, borbulhas ou qualquer outro material vegetativo do gênero citrus.

Adepará realiza programação de Natal

Image: 

Para celebrar as festas de fim de ano a Agencia de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) realizou na manhã desta segunda-feira (18), uma programação especial com o objetivo de proporcionar lazer e entretenimento para os servidores.