Sobre acessibilidade

Áreas

Adepará certifica mais três produtores de polpa de fruta

Image: 

Mais três produtores de processamento de polpa de frutas, no município de Tucumã, região sudeste do estado, receberam na segunda-feira (29) o título de registro de produto artesanal vegetal concedido pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará). O documento permite a livre comercialização dos produtos em todo o estado.

Adepará apreende 110 mil mudas de açaí que estavam sem autorização de transporte

Image: 

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) apreendeu, na madrugada do último sábado (27), 110 mil mudas de açaí, que estavam sem a autorização de transporte e declarações oficiais. A ação ocorreu na barreira fixa de Gurupi. O produto vinha de São Paulo com destino final no estado do Amapá.

Certificação artesanal vegetal da Adepará agrega valor a produtos paraenses

Image: 

Produtores rurais de todo o estado do Pará estão sendo incentivados pela Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) a emitirem a certificação de produto artesanal vegetal. Um produto registrado na Agência tem trânsito livre no Estado e o reconhecimento pela qualidade, além de ampliar mercados, qualificar os produtos, trazer confiança para os consumidores e gerar renda para o agronegócio, principalmente ao pequeno produtor.

Educação Sanitária conscientiza produtores e população sobre defesa agropecuária

Image: 

Para difundir conhecimento e instruir o produtor rural e a população em geral sobre defesa, sanidade e inspeção animal e vegetal para melhorar a qualidade de vida da população, o Programa de Educação Sanitária realizado pela Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará), sensibilizou, em 2017, mais de 55 mil pessoas. Em mais de 850 palestras e reuniões, a Adepará ofereceu informações sobre os programas de defesa sanitária animal e vegetal e o papel fundamental da população e do produtor na garantia da segurança alimentar.

Produtores de soja devem atualizar o cadastro de propriedades rurais

Image: 

Produtores de 32 municípios paraenses que cultivam soja têm até o dia 30 de janeiro para cadastrar áreas dedicadas ao cultivo da oleaginosa. A exigência é feita pela Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) e tem objetivo de garantir o monitoramento da cultura, bem como desenvolver ações preventivas visando o controle de doenças e pragas.