Sobre acessibilidade

Áreas

Adepará realiza intercâmbio com Estado do Tocantins para o controle da raiva

Image: 

 

  

Com o objetivo de estreitar as relações e manter parcerias no controle da raiva dos herbívoros nas fronteiras dos Estados do Tocantins e Pará, a responsável técnica pelo Programa Estadual de Controle da Raiva dos Herbívoros da Adepará, Arlinéa Rodrigues   acompanhou as ações desenvolvidas pela Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec) para o controle da zoonose durante visita técnica no período de 5 a 9 deste mês. 

Programa de Sanidade Apícola

 

 

Finalidade do Programa

O Programa Nacional de Sanidade Apícola (PNSAp) foi instituído pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento no âmbito Nacional em 08 de maio de 2008, pela Instrução Normativa nº 16, tendo por finalidade promover o fortalecimento da cadeia produtiva apícola através de ações de vigilância e defesa sanitária animal.

 

Estratégias do PNSAp

Para prevenir, controlar ou erradicar doenças das abelhas, o PNSAp promoverá as seguintes atividades:

I - educação sanitária;

Adepará e MAPA estudam zonificação para proteger o Estado do Pará da Mosca Carambola

Agência de Defesa Agropecuária do Pará – ADEPARÁ   em conjunto com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento dividiu o Estado do Pará - MAPA/SFA-PA estudam  a zonificação do Estado do Pará para  o controle da Mosca Carambola.

Origem da Mosca Carambola no Estado do Pará

 

 

  1. A PRAGA:

A praga Bactrocera carambolae, conhecida como Mosca da Carambola, é originária da ilha de Java, na Polinésia, e foi introduzida no continente americano provavelmente por via aérea espalhando-se pelo Suriname, Guiana Frncesa e tingindo o Brasil, via Estado do Amapá, em 1995.